Get Adobe Flash player

Posts Tagged ‘Pneumologia’

SPPT sobre Amianto

Nota da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT) a propósito da interpelação judicial do Dr. Hermano Albuquerque de Castro por parte de Instituto ligado à indústria do amianto no Brasil

 

A SPPT manifesta seu repúdio à tentativa de cerceamento do direito de expressão e de intimidação do médico pneumologista e pesquisador da Fiocruz Dr. Hermano Albuquerque de Castro por parte do Instituto Crisotila, instituição defensora do uso do amianto no Brasil.

As declarações do Dr. Hermano que motivaram a ação da referido Instituto estão em conformidade com o conhecimento científico disponível na literatura internacional. Além disso, contribuem para o esclarecimento da população sobre os riscos à saúde decorrentes do uso da mencionada fibra, exercendo assim uma função prioritária do médico.

As fibras de amianto são cancerígenas – conforme atestam milhares de publicações científicas – e assim são classificadas pela Agência de Pesquisa sobre o Câncer (IARC), vinculada à Organização Mundial da Saúde, por agências ambientais dos EUA, da UE e pela legislação nacional (Anexo II do Decreto 3.048/99 e Portaria do Ministério da Saúde GM 1.339/99);

Não existe limite mínimo seguro para exposição a cancerígenos.
Materiais de fibrocimento com asbesto, por óbvio contém a fibra.
Perfurar, raspar, abrasar estes materiais são ações que liberam poeira com a fibra.

Por estas razões vimos manifestar nossa solidariedade e apoio ao pesquisador contra o ataque que sofre dos defensores do uso de um dos reconhecidos produtos cancerígenos.

 

São Paulo 14 de fevereiro de 2012

 

Ubiratan de Paula Santos

Médico e coordenador da Comissão de Saúde Ocupacional e Ambiental da SPPT

Mônica Corso Pereira

Presidente da SPPT

 

 

Informações para a imprensa

Acontece Comunicação e Notícias

Monica Kulcsar ou Juliana Machado
(11) 3873-6083 / 3871-2331
acontececom2@acontecenoticias.com.br
www.acontecenoticias.com.br

 

VN:F [1.9.8_1114]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Retirada da Ventilação Mecânica

Retirada da Ventilação Mecânica Atualização Profissional em Medicina Intensiva - AMIB (ano II) Read the rest of this entry »

Pneumonia Associada à Ventilação Mecânica

Pneumonia Associada à Ventilação Mecânica Atualização Profissional em Medicina Intensiva - AMIB (ano II) Read the rest of this entry »

SPPT realiza a Jornada Paulista de Pneumologia

Em 28 de agosto de 2010, a Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT) promove a Jornada Paulista de Pneumologia da regional Araraquara-Bauru-Botucatu. O evento acontece no Auditório Marco Aurélio, do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina de Botucatu.

As inscrições podem ser feitas no site www.sppt.org.br e a taxa varia de R$ 25,00 (para residentes e acadêmicos não-sócios) a R$ 65,00 (para não-sócios). O evento é gratuito para os sócios da SPPT.

VN:F [1.9.8_1114]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Encontro debate as novidades no tratamento e no diagnóstico da tuberculose no país

Um dos destaques do evento será a discussão acerca do novo esquema de tratamento proposto recentemente pelo Programa Nacional de Controle da Tuberculose

A Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT) promove, de 26 a 29 de maio no Hotel Windsor Guanabara, no Rio de Janeiro, o IV Encontro Nacional de Tuberculose e I Fórum da Parceria Brasileira Contra a Tuberculose. O evento é fruto da união de esforços da SBPT com o Programa Nacional de Controle da Tuberculose do Ministério da Saúde, da Rede TB e da Parceria Brasileira contra Tuberculose.

De acordo com Marcus Conde, coordenador da Comissão de Tuberculose da SBPT e um dos organizadores do evento, um dos destaques desta edição do Encontro é a realização conjunta do Fórum da Parceria Brasileira contra a Tuberculose. “É um momento bastante oportuno para discutir as modificações no tratamento da tuberculose recentemente implementadas no Brasil, bem como as recomendações internacionais para os cuidados com a doença”. Entre as novidades desta edição destacam-se ainda a realização de cursos pré-Encontro e a gratuidade na inscrição de um número limitado de alunos de cursos de graduação da área da saúde como Medicina e Enfermagem.

Para o evento, a Comissão Científica está reunindo o que existe de novo tanto em termos de pesquisa quanto no campo do diagnóstico e do tratamento.

Conde destaca, ainda, a excelente oportunidade que o Fórum representa a todos os profissionais envolvidos no combate da tuberculose. “É uma chance rara de estarmos juntos, discutindo e debatendo os melhores caminhos a trilhar. Esta é a melhor maneira de reunir todos os envolvidos tanto na assistência quanto na gestão e na pesquisa e ensino da tuberculose para discutir, trocar experiências e interagir com a sociedade civil organizada, com o objetivo de pactuar os mais adequados caminhos para o combate efetivo deste sério agravo de saúde publica”.

A SBPT espera que todos os envolvidos de alguma forma no combate da tuberculose possam participar. “A Tisiologia faz parte do dia-a-dia de todos os pneumologistas, portanto, é de fundamental importância que estejamos presentes no evento para dividir nossa experiência com todos os profissionais da área de saúde”, finaliza Conde.

Os números da  Tuberculose

• O Brasil é um dos 22 países responsáveis por 80% de todos os casos de tuberculose no mundo

• Rio de Janeiro e Amazonas detém as mais elevadas taxas de incidência de tuberculose no país

• Embora de 1999 a 2008 a taxa de incidência de casos notificados no Brasil tenha se reduzido de 51 casos para 37 casos entre cada 100 mil habitantes, a cada ano ainda surgem aproximadamente 80 mil novos casos de tuberculose

• A doença é a quarta causa de morte por doenças infecciosas em adultos no país, e a primeira em pacientes com Aids.

Recentes mudanças no tratamento

O Programa Nacional de Controle da Tuberculose propôs algumas mudanças no tratamento, que hoje é de 6 meses e utiliza 3 medicamentos distintos. Ainda este ano, segundo Marcus Conde, o tratamento passará a ser com 4 medicamentos, a exemplo do que já acontece em quase todo o mundo. Além disso, os medicamentos estarão sob apresentação de comprimidos em dose fixa combinada (DFC).

Segundo ele, a introdução do quarto medicamento é consequência do aumento de casos resistentes sobretudo ao medicamento isoniazida, um dos que compõe o tratamento. “Foi constatado no Brasil que nos últimos 10 anos houve um aumento na resistência e, em função disso, agrega-se esse 4° medicamento”, complementa.

Serviço:

IV Encontro Nacional de Tuberculose e I Fórum da Parceria Brasileira Contra a Tuberculose

Data: 26 a 29 de maio

Local: Hotel Windsor Guanabara

Endereço: Av. Presidente Vargas, 392, Rio de Janeiro, RJ

VN:F [1.9.8_1114]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Tags
Cursos